Contos

No oftalmologista

No oftalmologista,

 

Contou-me tio Ioiô, o oftalmologista, que Nagib levou o filho de 4 anos para um exame. Ao final perguntou quanto era a consulta.

– São cinquenta cruzeiros, Nagib.

– Mas,doutor, este é o preço de adulto – o olho do menino é tão pequenino, doutor! Nagib paga trinta cruzeiros.

– Não, Nagib não paga nada. Fica de graça, Nagib, não se incomode.

– Não, não, doutor, Nagib vai pagar.

Tira o dinheiro da carteira surrada, cheia de papeis e entrega ao doutor, levanta-se, vai com o menino até a porta de saída. Lá, ele pára, empurra o menino gentilmente pelos ombros na direção do médico, e diz:

– Doutor, examina mais um bocadinho..